Como iniciar um movimento? Como crescer um movimento?

Muitas pessoas tem iniciativa. Fulano é uma pessoa de iniciativa. E deu. Ele simplesmente para na iniciativa. Outras pessoas são mais metódicas, gostam de planejar e organizar e ver abrangência das coisas. Outras gostam da execução. E outras gostam de encerrar. Terminar.

Continue a ler “Como iniciar um movimento? Como crescer um movimento?”

Planning poker para times distribuídos

Algumas equipes usam estimativas ou classificam o trabalho para poder entender o que precisa ser feito. Outras funcionam sem as tais estimativas. Usam classes de serviço, que é um assunto excelente e merece um post em separado.

Indo para o lado das estimativas, me perguntam: e os times que trabalham com estimativas, o que podem fazer no caso das equipes que trabalham de forma distribuída?

Continue a ler “Planning poker para times distribuídos”

#dwresponde – Episódio 8 – Múltiplos papéis: scrum master / líder e desenvolvedor

O #dwresponde de hoje fala sobre liderança e como funciona quando uma pessoa tem o papel de Scrum Master e também de desenvolvedor dentro de uma equipe?

Continue a ler “#dwresponde – Episódio 8 – Múltiplos papéis: scrum master / líder e desenvolvedor”

Você está me ouvindo ou me escutando?

Uma das dificuldades do mundo atual é atenção. Notificações dos celulares nos tiram atenção do aqui agora. Ficamos fixos no que está acontecendo com outras pessoas, e parece que estamos vivendo longe de nós mesmos. Bom… volte!

Eu também estou tentando! 🙂

Continue a ler “Você está me ouvindo ou me escutando?”

Princípios? Que tal os do manifesto ágil? (parte 2 de 2)

Dando sequência ao que já publiquei semana passada, volto a falar de princípios, fechando os 12 princípios do manifesto ágil.

Recebi vários feedbacks e legal, vou poder criar novas respostas para o #dwresponde. 🙂

Continue a ler “Princípios? Que tal os do manifesto ágil? (parte 2 de 2)”

Conseguir, sentir, ser. Trilha de domingo

Faça ou não faça. Não existe tentar.

Somos quem podemos ser? Não se pode ter tudo sempre, mas se tentar, é possível  talvez conseguir o que se precisa. Agora, de fato, precisamos ser quem somos. Não podemos ser outras pessoas.

E sim, nenhuma destas frases é minha. E?

Continue a ler “Conseguir, sentir, ser. Trilha de domingo”