Quero me comunicar! Como posso me comunicar?

Muita gente quer falar, mas não quer falar muito. Por vezes a galera quer apenas ter espaço de escuta nas empresas e equipes onde atuam. Ou ter voz nas equipes. Retrospectivas podem ser um bom começo.

Agora, esse falar pode ter relação com conteúdo criado/documentado. O mercado por vezes diz que as pessoas precisam ter blogs e contas de redes sociais para compartilhar conteúdo. É uma escolha. Não uma necessidade.

Não precisa ter blog. Não precisa ter site. Não precisa ter canal de vídeos. Nem palestrar 1x por mês em algum evento. Não precisa ter newsletter. Não precisa ter canal de Telegram.

Ou também pode ser sim para tudo isso que falei.

Continue a ler “Quero me comunicar! Como posso me comunicar?”

O excesso de desbalanceamento também é ruim.

A gente de algum modo está sempre se mantendo em equilíbrio. Mesmo quando não estamos em balanço, por priorizar alguns projetos em relação com outros, seguimos nos segurando. O dia segue tendo 24 horas.

Agora, desafiar estas restrições pode ser nocivo, e é onde o desbalanceamento em excesso pode ser ruim.

Continue a ler “O excesso de desbalanceamento também é ruim.”

Sucesso sendo medíocre? O que é sucesso mesmo?

Li um texto hoje que me intrigou. Tipo, se você aplicar uma determinada técnica aproveitando uma janela de oportunidade do mercado, você pode ter sucesso mesmo sendo medíocre. E logo em seguida a pessoa tenta vender o método dela, dizendo que sendo aluno, você não vai mais ser medíocre.

Porque a gente faz isso?

Continue a ler “Sucesso sendo medíocre? O que é sucesso mesmo?”

Algo que você faz é bem chato, mas ainda assim, você faz.

Chato pode ser algo entediante, mas pode ser simplesmente uma superfície plana. O termo chato aparece quando algo é monótono por exemplo, que não nos permite usar da nossa capacidade de criação.

Agora… tem gente que acha chato trabalhar em coisas que não estão definidas. A falta de clareza por algumas pessoas é visto como algo chato. Uma empresa sem plano e sem direção clara. Uma empresa chata.

Tudo isso pode ser, mas estou aqui pensando em coisas que fazemos e principalmente como fazemos.

Continue a ler “Algo que você faz é bem chato, mas ainda assim, você faz.”