Propósito é baseado em repetição

Tem um ponto de gestão de Deming que fala em criar constância de propósito melhorando produtos e serviços.

Eu vejo que quando pratico algo, preciso entender o que quero com essa prática. Não é praticar de qualquer jeito. É buscando algo diferente em cada execução. É fazer de forma mais suave, consciente dos detalhes, presente com o ambiente e sensos, aprendendo com novos movimentos.

Fazer algo repetido não quer dizer fazer exatamente igual. O igual pode estar na dinâmica, no processo, em algum aspecto do fazer.

Quase nunca é exatamente igual. Quase.

Continue a ler “Propósito é baseado em repetição”

Positividade e o mundo presente.

Vejo pessoas reclamando muitas vezes da positividade tóxica, de pessoas que abraçam árvores e parecem não ver todos os problemas que o mundo tem.

Eu não tenho problema nenhum com estas pessoas. Na real acho que não tenho problema nenhum com qualquer pessoa que queira abraçar uma árvore.

Qual a crítica com quem está tentando ver as coisas por algum lado positivo? Isso me intriga, apesar de eu já ter ficado chateado por ver pessoas “felizes demais”. Acho que era inveja. 😛

Apesar de meu jeito de operar ser baseado em “ver o pior” e organizar um plano sobre riscos e alternativas de ter sucesso, eu também tenho no meu jeito de operar em uma visão “daqui pra frente”, ou “dado que X está acontecendo, como prosseguir”.

Não é exatamente operar sempre na positividade, mas buscando fazer o melhor possível com o que está presente.

Continue a ler “Positividade e o mundo presente.”

Como atuar sem consciência da motivação?

Você já tentou colocar uma tala de imobilização em um gato com a pata machucada? É um trabalho muito complicado de ser feito. Cuidar de um gato assim está sendo desafiador também, já que ele não entende o que está acontecendo.

Qual a motivação de impedir que se faça algo? Pensa em qualquer coisa que você não consegue fazer por ter sido impedido. Qual a motivação?

Continue a ler “Como atuar sem consciência da motivação?”

Quando é importante de verdade, você cria tempo, espaço interno e energia.

Talvez seja a resposta para a palavra procrastinação?
Da gente não ficar se perguntando sobre a verdade verdadeira de algum assunto pra gente?

Essa junção de tempo, espaço interno e energia para ser aplicada é a tríade do fazer de verdade? Digo pois existe o fazer sem ter vontade, normalmente por alguma necessidade de governança, compliance, burocracia ou simplesmente piloto automático.

De fato, hoje aconteceu uma coisa aqui na minha vida e é importante que eu dê atenção para o assunto.

Continue a ler “Quando é importante de verdade, você cria tempo, espaço interno e energia.”

Excelência para acordar e fazer uma passagem pro presente

Fazer com excelência é buscar a perfeição no que se faz? Pelos aprendizados que tenho do pensamento lean, a perfeição é uma busca. Não é um estado que se mantém. É algo que se almeja, mas talvez nunca se alcance.

Dentro das práticas que tenho, eu posso me dedicar ao máximo quando aqui escrevo, mas cada pessoa que consome meu material vai determinar se aquele texto é excelente ou medíocre para o que ela precisa agora.

Já tive livros que parei de ler na metade algumas vezes e hoje são livros que consumo pelo menos uma vez por ano. O agora e o presente tem um peso importante em assuntos que experimentamos. Será que estamos preparados para isso?

Precisamos de excelência em quais áreas da nossa vida para viver o presente? Pensei em algumas:

Continue a ler “Excelência para acordar e fazer uma passagem pro presente”