A vida é feita de jogos, mas são apenas jogos.

Para os que jogam o poker, a sensação de fazer um “All In” pode ser eletrizante. Para quem joga basquete, a sensação de arremessar a bola quando falta menos de 1 segundo para acabar o tempo. O gol nos acréscimos. Aquele slide na apresentação mensal que vai permitir destacar alguma ação ou projeto. Todas estasContinue a ler “A vida é feita de jogos, mas são apenas jogos.”

Entrega contínua, melhoria contínua, devops. É importante focar nisto?

Fazer software que os clientes queiram usar. Manter ambientes de desenvolvimento, homologação e produção sempre funcionando e evoluindo. Ter uma cultura de aprendizado e prevenção. Atuar em melhoria de desempenho e mais automação. Estes processos ainda são vistos como muitas vezes objetivos impossíveis de serem alcançados. Mas e aí?

Se melhorar, não estraga não!

1. Se melhorar, estraga! 2. Em time que está ganhando não se mexe. 3. Hoje funciona, pra que fuçar nisso aí? 4. Eu levo uma semana para fazer este tipo de tarefa, mas não é trabalho não. Até que gosto! 5. Precisa ensinar pra outra pessoa não, eu gosto de fazer esta tarefa. Me sinto importante!Continue a ler “Se melhorar, não estraga não!”

E lá vamos nós… seja persistente, não insistente!

Falei outro dia sobre ignição. Sobre ter uma palavra ou algo que faça você fazer o que tem que ser feito. E quando mesmo uma palavra, momento ou música não é suficiente? O que fazer?

Trabalhamos por uma causa?

Trabalhamos para gerar algo de valor, que se torna moeda de troca para que o queremos viver na nossa vida. Se conseguimos fazer isto ser algo compatível com os nossos interesses, e conseguimos construir objetivos que se unem a causas que temos interesse em lutar por, temos um belo diferencial competitivo.

Em que acreditamos?

Parece uma pergunta fácil, mas muitas das coisas em que acreditamos nem percebemos. Vale uma busca em entender o que temos de crenças, e principalmente ao começar uma busca pela nossa identidade, nossa essência. Vamos descobrir muitas crenças nesta busca. E como se desenvolve este processo?

Inovação x modelos de negócios

Ser inovador é algo bem difícil. Pra começar não adianta você se dizer inovador. O mercado precisa perceber isso em você. Ser disruptivo ou incremental. Eis a questão atual? 🙂