Escreva, escreva e escreva

E busque validação de forma assíncrona. E escreva mais, e instigue comentários, e valide suas ideias através novas conversas, de preferência assíncronas. 😀 Ok, de vez em quando marque conversas de meia hora ou uma hora para validar aprendizados e expandir discussão em algum dos tópicos. Lembre de ter espaço para documentar o que foiContinue a ler “Escreva, escreva e escreva”

Ninguém está te pedindo para correr

Sério. Pode se acalmar. Situação: Cheguei na recepção de um prédio comercial, para uma reunião com cliente. A pessoa que me atendeu já estava decepcionada com o cliente anterior, que não estava encontrando a identidade para poder apresentar e ter o cadastro na recepção. Pediu para o cliente esperar e me chamou. Vem vem! Eu fui.Continue a ler “Ninguém está te pedindo para correr”

Prioridade é prioridade

Qual é a sua prioridade? Essa palavra não tinha plural até chegarmos nos anos 80. Aprendi essa no livro “Essencialism“, do Greg McKeown. Depois no final deixo uns links para este livro e outros materiais que recomendo sobre o autor. Quando pergunto sobre prioridade, muitas pessoas respondem “brincando”: BOLETOS! E sabe que este pode serContinue a ler “Prioridade é prioridade”

Como você aprende?

A gente pode se preocupar muito com estruturas de ensino. E eu me pego fazendo análises e perguntas quando estou facilitando turmas de treinamento e pensando em com posso ensinar diferentes assuntos para quem está comigo. Perguntas, diagramas, falas, espaços para troca de ideias, uso do chat, boards abertos para escrita de ideias?  Todas sãoContinue a ler “Como você aprende?”

Muddling up life goals… please don’t.

I will do whatever comes up. Can you think about that? But how is the sound of letting anything set your focus to who knows where? I believe doing nothing is more difficult than doing anything. Can you take responsibility and do nothing for a day, a week, a month? When I’m saying do nothing,Continue a ler “Muddling up life goals… please don’t.”

Produzindo 64 conteúdos por dia. Tentativa 1, falhei, mas aprendi muito! :D

Eu falhei tentando publicar 64 conteúdos por dia.Como se fala no Sul, “errei às ganha”! 😄 E foi muito importante ter falhado. Eu acabei descobrindo alguns padrões interessantes, novas editorias de conteúdo e publiquei muito material neste caminho.