Interrompendo

Galera fica discutindo sobre trabalho presencial ou remoto. Trazem esta questão como ponto que dificulta colaboração. Trazem discussões sobre como saber lidar com muitas reuniões online.

Preferem ter muitas reuniões presenciais?

Tem algo errado nestas reflexões que leio por aí. Tava lembrando de algumas histórias… vem junto.

Esse tanto de reunião online deixa explícito a falta de planejamento e organização de fluxo de trabalho.

Quem está fazendo o que? Vamos fazer uma reunião para saber o que as pessoas estão fazendo. Vamos adicionar uma reunião diária para poder controlar pessoas e “confirmar percentuais de tarefas”. Vamos pedir para as pessoas trabalharem de câmera aberta. Vamos garantir o ponto das pessoas e monitorar os computadores. E ah, não esquece do marketing, pede pra galera fazer aquele post falando sobre como trabalhamos transparência e confiança aqui na empresa. 😛

O que é importante agora? Vamos fazer reuniões de check todos os dias para validar o trabalho em andamento. Uma hora de acompanhamento por pessoa. E assim falta tempo para acompanhar o trabalho como equipe, porque se faz micro gerenciamento. E ah, pede pro marketing aquele post sobre como trabalhamos apoiando o desenvolvimento das pessoas e como trabalhamos a colaboração no trabalho do dia a dia. 😦

Outro sintoma é a falta de capacidade de deixar pessoas trabalharem por tempos mais contínuos. Muitas empresas funcionam baseadas em interrupção. Pessoas interrompem outras pessoas toda hora. Querem respostas na hora. Reclamam da demora nas respostas. Era melhor no presencial, assim era possível interromper a pessoa sem dar chance dela pedir um tempo ou cinco minutos. E no modo online, a ansiedade pega… se manda email, e se a pessoa não responder em 1 minuto, manda mensagem instantânea. Se a pessoa não responder em 2 minutos, liga para avisar que mandou mensagem avisando que mandou email. E o pior? Algumas pessoas acham isso uma prática normal. 😦

A explicação para interromper sempre parece ter sentido. Exemplo, pessoa entrando em uma reunião e precisa confirmar uma informação. A frase real é: “esqueci totalmente de algo que poderia ter perguntado 10 dias atrás, mas como não me organizo nem tenho controle das minhas pendências acabei lembrando agora quando entrei online com o cliente. E na real já disse pro cliente que você não conseguiu me retornar até agora, e até fui dar mais uma cobrada. Sabe como é né? Colaboração.” 😦

Colaboração em muitos locais é poder colocar a culpa em outra pessoa. Assim pessoas não precisam assumir responsabilidade.

A gente confunde interrupção com disponibilidade. As empresas deveriam trabalhar mais a comunicação não simultânea. Assim as pessoas conseguem trabalhar e entre as pausas de foco, conseguem responder demandas e encaminhar novas necessidades de trabalho. Toda equipe deveria ter uma estrutura de comunicação por voz, por texto e escolher formas de colaboração sobre o trabalho a ser feito. Ferramentas, estruturas de cadência e também políticas claras para organizar o que é prioridade e o que precisa de mais atenção.

Tem reunião que vale a pena. Agora, tem reunião que poderia ser um vídeo ou um email. Muitas delas.

Dicas para fechar este texto: faça menos reuniões. Trabalhe buscando mais tempo contínuo de trabalho. Tenha proteção do seu tempo de foco. Cuide da VUCA e BANI.

— Daniel Wildt

Extra: acompanhe o meu livro sobre trabalho.

Publicado por dwildt

Empreendedor / Desenvolvedor de Software / Mentor / Agilista / Escritor.

4 opiniões sobre “Interrompendo

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: