Seja aprendiz

Certa vez eu escrevi em um mini currículo que eu era um aprendiz. E pessoas vieram me questionar porque estava me rebaixando, se eu era especialista em vários assuntos.

O aprendiz fala mais sobre como eu me coloco a frente de problemas. As pessoas que estavam me questionando estavam sempre colocando a frente soluções.

Como garantir que você está cuidando de problemas. E está aprendendo com eles?

Eu tenho algumas estruturas que trago comigo no dia a dia:

  • Pesquisa: pode ser mapear problemas relacionados, estudos, empresas, produtos.
  • Entrevistas: de pessoas do mercado, pessoas de mercados relacionados.
  • Escrita: escrever o que sei e o que ainda está em aberto. Pensar em certezas, suposições e dúvidas pode ser um caminho.
  • Perguntas: escrever perguntas abertas que podem me ajudar a entender os caminhos que posso percorrer. Perguntas servem para ficarmos nelas. Muitas podem demorar um bom tempo para serem respondidas. Muitas vezes perguntas servem para apoiar próximas perguntas, enquanto estamos aprendendo, entrevistando e pesquisando.

O fato é que deveríamos acreditar que sabemos pouco e assim abrir a mente para estruturas de validação e montagem de hipóteses.

O trabalho atual sempre poderá ficar melhor, no próximo. 😀

— Daniel Wildt

Publicado por dwildt

Empreendedor / Desenvolvedor de Software / Mentor / Agilista / Escritor.

One thought on “Seja aprendiz

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: