Não lute contra a sua natureza e o seu sistema. Como você funciona agora?

Ah, não consigo acordar cedo. Ah, queria dormir mais tarde. Ah, queria escrever todo dia. Ah, posterguei esse projeto novamente. Puxa, falei que ia estudar pela manhã e praticar esporte pela tarde, mas tem chuva prevista pela tarde.

Isso é ficar olhando o copo meio vazio. O que você faz que é natural? O quanto de planejamento o seu dia precisa?

Ao fazer algo, que tipo de habilidade está sendo colocada em prática? Quais deveriam ser priorizadas?

Chegou a hora de dizer não?

Continue a ler “Não lute contra a sua natureza e o seu sistema. Como você funciona agora?”

Por onde iniciar em tecnologia. Dev ou Teste?

Claro… vamos iniciar nossa vida de aprendizagem contínua e infinita pensando em um cargo para viver. 😀

Se for pensar mesmo por onde iniciar, aprenda a escrever e entender como você prefere se expressar. Diria que é a habilidade que sempre vai estar com você, até seu último dia. Se você souber se expressar em seu idioma nativo, vai poder expressar em outros idiomas a partir das habilidades que desenvolver, quando fizer sentido.

Continue a ler “Por onde iniciar em tecnologia. Dev ou Teste?”

Agilidade fora de tecnologia?

Ou era saber como usar notas adesivas fora do mundo do software?

O problema é um pouco maior do que este. Como a gente modela papéis, organiza missões, e como a gente entende e aprende sobre as nossas responsabilidades. De como a gente desenvolve e compartilha nossas habilidades. De como a gente muda e muda o que está em nossa volta. Em como a gente define valor que entregamos.

Continue a ler “Agilidade fora de tecnologia?”

O que você vai ser quando crescer? Eu me tornei uma pessoa desenvolvedora de software! Mas… tem um desafio.

No dia das crianças de 2013, eu “terminei” um texto.
Este texto abaixo tem +8 anos de idade.

Faz tempo que eu queria escrever sobre escolha profissional. Faltava sempre o momento, algum fato que me fizesse pensar a respeito. Falar eu falo bastante, sempre que questionado e provocado. E principalmente, motivações para ser um desenvolvedor e estar em operação, e não apenas em um caminho para cargos de gestão.

Só que o texto começou sobre carreira e foi pra um caminho que ainda é muito atual. O da falta de pessoas e de pessoas qualificadas nas equipes. Um problema sistêmico. Já em 2013, ou melhor, algo que acompanhava desde 2010.

Nesta época de 2013 dava pra dizer que eu escrevia bastante, mas não publicava tanto. Tinha e ainda tenho os medos de publicar, mas hoje em dia vai com medo mesmo.

Continue a ler “O que você vai ser quando crescer? Eu me tornei uma pessoa desenvolvedora de software! Mas… tem um desafio.”

Structure vs Strategy? Don’t let worlds collide.

Structure works somewhat like rules and they are not good if you are thinking about the future.

You may need to think about strategy and principles that help you set a foundation. But… you don’t want any sort of structure to damage your thinking process.

Continue a ler “Structure vs Strategy? Don’t let worlds collide.”

Conhecer o caminho e trilhar o caminho. Sutil, mas gigantescamente diferente.

E sim, referência para Matrix. Assisti novamente o primeiro filme, de 1999, e esta frase veio novamente forte.

“There is a difference between knowing the path and walking the path.”

Morpheus

A relação é direta com a prática e com o aprendizado no fazer. Aprender no caminho.

Continue a ler “Conhecer o caminho e trilhar o caminho. Sutil, mas gigantescamente diferente.”